» » Pára-quedas ou paraquedas

Pára-quedas ou paraquedas

Gostaria de eliminar todas as suas dúvidas com relação ao uso das palavras para-quedas ou paraquedas? Vamos abordar em seguida os seus significados, exemplos e regras para uso adequado nas frases.

Pára-quedas ou paraquedas.

De acordo com as normas da língua portuguesa em seu padrão culto, a maneira adequada de escrever esta expressão é paraquedas, sendo que o formato para-quedas é incorreto e por isso deve ser evitado.

A sua formação ocorre por meio da justaposição do verbo parar com o substantivo quedas com a classificação de substantivo comum de dois números porque tem a mesma forma no singular e no plural.

Esta situação é válida a partir do Novo Acordo Ortográfico de 2009 segundo o qual a expressão perde o hífen , o qual foi eliminado de palavras compostas por justaposição como esta quando a sua noção de composição foi perdida, bem como seu acento diferencial que foi abolido sendo que esta regra vale também para palavras cognatas a paraquedas.

A palavra em análise deve ser usada para indicar um objeto feito com lona, pano ou outro material do tipo que ajuda a reduzir a velocidade com que ocorre a queda de uma pessoa ou objeto quando ocorre o seu lançamento de uma determinada altura.

Exemplos:

Toda semana eu pulo de paraquedas nos dias vagos para aliviar as minhas tensões.

O paraquedas é um mecanismo importante para evitar mortes em situações de acidentes aéreos.

Atualizado em: 24/10/2017 na categoria: Como Escrever Corretamente