» » O que Ouve ou Houve?

O que Ouve ou Houve?

A presença ou ausência do H pode não interferir na nossa fala, mas na hora da escrita é preciso se atentar aos diferentes sentidos que pode expressar. Sabendo disso, confira abaixo se o correto é o que ouve ou houve:

 

O que ouve ou houve?

Tanto “o que ouve” quanto “o que houve” são expressões corretas de acordo com as normas da língua portuguesa, mas é preciso se atentar ao contexto, uma vez que apesar da similaridade na escrita, são termos com sentidos opostos.

Por isso, é importante que compreenda a informação que deseja passar e aquela que é passada, podendo empregar a palavra certa e assim facilitando a comunicação, evitando possíveis erros de interpretação no processo da mesma.

 

Quando usar “O que ouve”?

O que houve possui sentido de audição, é uma variação ligada ao verbo ouvir e se refere especificamente a capacidade de audição, um sentido pertencente ao nosso corpo que nos permite escutar e assim, entender.

 

Exemplos com “O que ouve”:

  • Ela disse que o que ouve mais é música clássica.
  • O que ouve, diz muito sobre seu estilo musical.

 

Quando usar “O que houve”?

Houve, por sua vez, é uma variação do verbo haver e se refere a um acontecimento já ocorrido, algo que aconteceu no tempo passado e ainda pode apresentar certas implicações no tempo presente a partir de consequências, por exemplo.

 

Exemplos com “O que houve”:

  • O que houve foi reflexo daquilo que se desejou.
  • Ela está triste, o que houve?

Atualizado em: 15/07/2022 na categoria: Com ou sem H