À custa de ou às custas de

Possui interesse em retirar as suas dúvidas com relação às expressões à custa de ou às custas de? Conheça as principais informações relacionadas com este assunto a seguir.

À custa de ou às custas de

Para iniciar as ponderações com relação ao uso destas expressões é preciso saber que a maneira correta de estar usando estas expressões é no formato singular “à custa de”, sendo que no plural “às custas de” está incorreto e deve ser evitado.

Com relação à esta expressão a mesma consiste em uma locução prepositiva que é formada por meio da união da preposição “a” com o artigo definido a surgindo a crase mais o substantivo custa e a preposição de.

O uso da expressão à custa de é indicado todas as vezes que se quiser indicar a ocorrência de uma determinada situação que ocorre por meio de alguma coisa ou situação podendo também indicar dinheiro ou gastos financeiros realizados.

A forma desta locução no plural “às custas de”,  deve ser evitada para uso nos sentidos indicados para a expressão no singular porque a forma custas é indicada para se referir a despesas com processos judiciais e não cabe no sentido de sua escrita no singular.

Exemplos:



Foi à custa de muito esforço e dedicação que consegui melhorar na carreira profissional que escolhi.

Você está muito crescido para ainda viver à custa de sua família e não trabalhar.

A aquisição desta casa ocorreu à custa de muitos recursos e luta.

Sinônimos de à custa de ou às custas de

Para que a sua compreensão do uso desta expressão fique facilitado veja a seguir algumas locuções que tem significado semelhante ao dela em frases:

Graças a;

Através do trabalho de;

Por causa de;

Com recursos de;

Mediante dinheiro de;

A expensas de.